concursos internacionais
-
Concurso Internacional de Estudantes
21.02.2014
TEMA E DIRECTRIZES

Porto Alegre tem-se afirmado internacionalmente como palco de debates relacionados com políticas governamentais globais e possibilidades de acções sociais. A Faculdade de Arquitectura e Urbanismo da PUCRS, inserida nesse contexto de afirmação constante das práticas da cidadania e de inclusão social, actuante decidida em ensino, pesquisa e extensão focados no direito à moradia digna e na qualificação da arquitectura de interesse social, propõe o Concurso Internacional de Estudantes do Congresso CHIS 2014. O Concurso será uma oportunidade para reflectir e abordar, a partir de uma situação local, questões que afligem muitas cidades no mundo inteiro.

A área objecto do Concurso Internacional de Estudantes do Congresso CHIS 2014 abrange parte de quarteirão urbano delimitado pelas Rua Professor Freitas e Castro, Rua Zero Hora, Rua Marcílio Dias, e Av. Azenha, localizado no bairro Azenha, Porto Alegre. Actualmente a área é parcialmente ocupada por pavilhões de arquitectura de carácter fabril, utilizados com actividades da administração municipal, e outra parte com ocupação residencial informal.

Os projectos apresentados no Concurso Internacional de Estudantes deverão propor intervenção arquitectónica, urbanística e paisagística, visando à criação de um conjunto de habitações que qualifique o sector ocupado existente, aliando-se à recuperação das edificações públicas existentes, e previsão de espaços públicos e equipamentos de uso comunitário para a população local e do bairro.

As submissões deverão considerar a situação pré-existente, a comunidade local e o sentido de pertença ao lugar.

A interlocução entre estudantes de graduação em arquitectura e urbanismo dos mais diversos lugares e culturas, além da troca e construção de conhecimentos propiciados pelo Concurso Internacional, deverá apresentar soluções urbanísticas inovadoras, reforçadas por propostas direccionadas à inclusão social, ao respeito à identidade cultural, à preservação arquitectónica e ambiental e à qualificação do espaço público.

Informações e dúvidas, favor enviar e-mail para: concurso.chis.2014@pucrs.br.

ÁREA DE INTERVENÇÃO

A área objecto do Concurso Internacional de Estudantes do Congresso CHIS 2014 abrange parte de quarteirão urbano localizado na Rua Prof. Freitas e Castro, Rua Zero Hora e Rua Marcílio Dias, e constitui-se por 3 conjuntos, de tipologias distintas, que definem os seguintes sectores:

A. Conjunto arquitectónico na Rua Prof. Freitas e Castro 191 a 253, composto por Pavilhões da Unidade de Próprios do Município. Este conjunto consta oficialmente da relação de “bens tombados e inventariados” em Porto Alegre, da Secretaria Municipal de Cultura da Prefeitura Municipal de Porto Alegre.
http://lproweb.procempa.com.br/pmpa/prefpoa/smc/usu_doc/lista_de_imoveis_preservados_em_porto_alegre_-_abril2013_versao_site.pdf
B. Edificações residenciais localizadas no alinhamento da Rua Prof. Freitas e Castro, até a esquina da Rua Zero Hora. Sem definição precisa dos limites externos de cada prédio, configuram um conglomerado construído denso e de formas irregulares.
C. Edificação da Rua Marcílio Dias 1390 e espaço aberto no interior do quarteirão, utilizado pela Unidade de Veículos Próprios PMPA. Este imóvel consta oficialmente da relação de “bens tombados e inventariados” em Porto Alegre, da Secretaria Municipal de Cultura da Prefeitura Municipal de Porto Alegre.
http://lproweb.procempa.com.br/pmpa/prefpoa/smc/usu_doc/lista_de_imoveis_preservados_em_porto_alegre_-_abril2013_versao_site.pdf
A área do Concurso Internacional de Estudantes do Congresso CHIS 2014 destaca-se pela proximidade a vias urbanas estruturadoras da cidade: Av. Ipiranga, Av. Azenha e Av. Érico Veríssimo, com fácil acessibilidade e mobilidade, através de linhas de transporte público ligando várias regiões da cidade. Ao mesmo tempo, a localização no interior do bairro confere à área o caráter de espaço residencial, protegido do movimento intenso de veículos e poluição sonora e ambiental. Equipamentos urbanos como hospitais, escolas, centro cultural, delegacia de polícia, estão localizados no entorno próximo.

O conjunto de pavilhões pré-existentes da Rua Freitas e Castro 191 a 253 representa um expressivo legado da arquitectura eclética do início do Sec. XX e deverá ser preservado. Novas inserções de usos e actividades de caráter público / comunitário devem promover a integração físico-espacial do conjunto existente ao novo sector residencial adjacente proposto, buscando a diversidade e vitalidade do lugar e visando a dinamização da área como um todo.

CONTEXTO

O QUARTEIRÃO


A área objecto do Concurso Internacional de Estudantes do Congresso CHIS 2014 abrange a parte oeste do quarteirão urbano, de formato irregular, delimitado pelas Ruas Professor Freitas e Castro, Zero Hora, Marcílio Dias, e Av. Azenha, localizado no bairro Azenha, Porto Alegre.

As faces do quarteirão apresentam ocupações de diferentes períodos, com variações tipológicas e usos diversos, conformando uma mescla heterogênea na dimensão do bairro e peculiar na escala da cidade.

Morfologicamente, o quarteirão configura-se pelo conjunto edificado a partir do alinhamento frontal dos lotes, a continuidade das fachadas define o perímetro externo da quadra, sem recuos de jardim e/ou afastamentos laterais. As alturas das edificações existentes variam de um a três pavimentos, constituindo-se em setor de densidade moderada, e horizontalidade predominante.

Os usos atuais do setor – habitação, comércio e serviços – pressupõem que a diversidade de funções deva ser mantida. A inserção de áreas de convívio e recreação comunitárias para a população local são estimuladas, como espaços integradores e geradores de interação social.

A articulação entre habitação, comércio/serviços e lazer torna-se factor de integração e constituição de sentido de comunidade e pertença ao local.

O ENTORNO

A face norte, lado par, da Rua Marcílio Dias, a partir da esquina da Rua Zero Hora até a edificação nº 1390, constitui-se por conjunto edificado em fita, de casas “porta e janela”, remanescente e característico da ocupação original do bairro.

Esta tipologia deve ser reconhecida como identidade local e referência para a configuração do quarteirão proposto.

Equipamentos urbanos localizados nas proximidades, como o Hospital Ernesto Dorneles, a sede da Polícia Federal, Cáritas/Mensageiro da Caridade, Zero Hora, Centro Municipal de Cultura, Escola Estadual Protásio Alves, Delegacia de Polícia, além do tradicional comércio de rua ao longo da Av. Azenha, valorizam a área. A predominância do uso residencial, tanto individual como habitação coletiva nos bairros do entorno, Azenha, Santana e Menino Deus, identifica este setor da cidade.

A estrutura urbana consolidada do entorno, o caráter diversificado de sua ocupação, a acessibilidade da área, a presença de patrimônio arquitetônico a preservar, a escala humana do bairro, são fatores que conferem ao local o potencial de criação de um conjunto urbano de qualidade.

MAPAS

Área : arquivo (.ppt)

Área : arquivo (.dwg)

FOTOS

Área : arquivo (.ppt)

PARTICIPANTES

O Concurso é aberto a estudantes de graduação do mundo inteiro.
A orientação do trabalho por professor é opcional.
A participação no Concurso Internacional de Estudantes CHIS 2014 é gratuita.
O formulário de registro deverá ser encaminhado juntamente com a proposta.

Formulário de registo: arquivo (.doc)

JÚRI

O júri será constituído por arquitectos e professores arquitectos de renome nacional e internacional.

Critérios
Os critérios incluirão: relevância prática e potencial de transformação, amplitude de aplicação, inovação (em termos de projecto, técnica, optimização de custos, processo de planejamento), sustentabilidade social, cultural, ambiental e económica.

PRAZOS E DATAS

Data
Actividade
24 Jan 2014
Lançamento oficial do Concurso
04 Abril 2014
Prazo final para envio dos trabalhos
11 Abril 2014
Divulgação dos finalistas
14 Abril 2014
Resultado do Concurso de Estudantes
30 Abril 2014
Premiação do Concurso de Estudantes
Maio 2014
Mostra dos trabalhos premiados
EDITAL

Edital: arquivo (.doc)

PREMIAÇÃO / FINALISTAS / VENCEDORES

As três propostas premiadas serão apresentadas publicamente pela respectiva equipa durante o Congresso.

As despesas de viagem e de acomodação de um representante de cada equipa serão custeadas pelo 3º CHIS 2014.

· 1º Prêmio - R$ 5.000 (Cinco Mil Reais)
· 2º Prêmio - R$ 3.000 (Três Mil Reais)
· 3º Prêmio - R$ 1.000 (Hum Mil Reais)
A critério do júri poderão ser concedidas Menções Honrosas.


Subscrever E-Newsletter



 

TSF

JA

JA PDF

Newsletter JA

mais

 

VOLCALIS
OA
OASRN OASRS HABITAR PORTUGAL IAP20 OAPIX 1(-)1 CONGRESSO DOS ARQUITECTOS PORTAL DOS ARQUITECTOS
CAE CIALP DoCoMoMo FEPA UIA