outros prémios nacionais
-
Vencedores do Prémio Nacional de Reabilitação Urbana
24.03.2014
Foram anunciados a 20 de Março os vencedores do Prémio Nacional de Reabilitação Urbana, durante um jantar de Gala que teve lugar na Sala do Risco, no Pátio da Galé, em Lisboa.

O evento contou com a presença de várias personalidades do sector, entre eles António Costa, Presidente da Câmara Municipal de Lisboa.

Durante a sessão, foram conhecidas as melhores intervenções para diferentes usos nas várias categorias. O grande vencedor do prémio de Melhor Intervenção Residencial foi o Quarteirão das Cardosas, no Porto. A Melhor Intervenção Turística foi para o Vila Galé Collection Palácio dos Arcos, em Paço D’Arcos, e a Melhor Intervenção de Serviços & Comércio foi arrecadada pelo Mercado do Bom Sucesso, no Porto.

Por outro lado, a Melhor Intervenção com impacto social foi para o projecto GNRation, de Braga, e a Melhor Intervenção na cidade de Lisboa (prémio atribuído à cidade que acolhe a edição do prémio), foi para o Edifício de Acolhimento e Requalificação do Eixo da Rua da Vitória.

Foram ainda atribuídas 3 menções honrosas. A menção de Melhor Intervenção com menos de 1000m2 foi para a Casa de Selho de Riba, em Guimarães, de Melhor Intervenção de Restauro para o Edifício Sede do Banco de Portugal, em Lisboa, e a menção de Melhor Intervenção – Certificação Energética foi entregue ao Etoile 240, em Lisboa.

António Gil Machado, diretor da Vida Imobiliária e responsável pela coordenação desta iniciativa, comentou durante a ocasião que «em primeiro lugar, gostaríamos de congratular quer os vencedores quer todos os projectos que se candidataram ao Prémio Nacional de Reabilitação Urbana, e que permitiram fazer desta edição um sucesso. O balanço é absolutamente positivo». Para si, esta iniciativa «é a prova de que a reabilitação urbana é uma realidade efectiva, que está acontecer, que chega a todas as cidades, e que é feita por todos e para todos».

Todos os vencedores foram eleitos por um júri indicado pela organização do prémio, composto pelas personalidades André Jordan, Manuel Reis Campos, Vasco Peixoto de Freitas, Augusto Mateus e André Caiado.

Esta edição do Prémio Nacional de Reabilitação Urbana registou um total de 48 projectos candidatos, de 18 pontos diferentes do país, num crescimento de 33% face às 36 candidaturas registadas na 1ª edição de 2013.

O objecctivo supremo é distinguir positivamente as iniciativas de reabilitação urbana de maior valia para a comunidade nas suas múltiplas valências, bem como estimular a excelência profissional dos operadores económicos, sociais e autarquias que protagonizam intervenções de reabilitação urbana.

A iniciativa é da Vida Imobiliária e da Promevi, que conta, pelo segundo ano consecutivo, com o apoio da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, que se associa ao evento enquanto entidade de referência na área da Reabilitação Urbana. A iniciativa tem os patrocínios da Schmitt+Sohn Elevadores, Aguirre Newman, Adene, Revigres, Sika e Caixa Geral de Depósitos, contando também com os apoios institucionais da CPCI, RICS, AHP e InCI. O Prémio Nacional de Reabilitação Urbana 2014 tem como Jornal Oficial o “Público”, o portal oficial é a CASASAPO, e conta ainda com os apoios, como media partners, das revistas Impulso Positivo, Confidencial Imobiliário, Arqa, Pedra e Cal, Construir e Anteprojectos. A Luz e Som é parceira no apoio cenográfico.


OA
OASRN OASRS HABITAR PORTUGAL IAP20 OAPIX 1(-)1 CONGRESSO DOS ARQUITECTOS PORTAL DOS ARQUITECTOS
CAE CIALP DoCoMoMo FEPA UIA