outros prémios internacionais
-
-
-
Paulo Catrica
Prémio europeu de intervenção em património arquitectónico
19.06.2015
Em Barcelona, no passado dia 12 de Junho aconteceu a 2ª Bienal do PRÉMIO EUROPEU DE INTERVENÇÃO EM PATRIMÓNIO ARQUITECTÓNICO, organizada pela AADIPA – Agrupació d’Arquitectes per la Defensa i la Intervenció en el Patrimoni Arquitectònic do COAC – COL-LEGI D’ARQUITECTES DE CATALUNYA.

Na cerimónia de encerramento foi atribuído o 1º Prémio (não pecuniário) a João Campos e Fernando Cobos, autores da edição do Consórcio Transfronteiriço de Cidades Muralhadas, “Almeida / Ciudad Rodrigo – A Fortificação da Raia Central” e aos SAMI-arquitectos pela Casa E/C edifício situado na ilha do Pico, Açores.

Este prémio visa divulgar, distinguir e reconhecer as obras e projectos de qualidade que contribuem para manter, reabilitar e valorizar o património arquitectónico europeu.

O número de candidaturas ao Prémio deste ano (nas 4 categorias em que se subdivide) atingiu as duas centenas, com propostas provenientes de 25 países.

Para além dos vencedores, foram nomeados 3 finalistas em cada uma das cinco categorias.


Almeida / Ciudad Rodrigo – A Fortificação da Raia Central

A escolha do Júri assinala expressamente o conhecimento baseado no estudo dos sistemas fortificados, ensaiado nesta obra sobre a Raia Central de Portugal, e a riqueza da documentação histórica e cartográfica da análise comparada de Almeida e de Ciudad Rodrigo.

Este trabalho teve o seu lançamento internacional em La Havana (Cuba), em Fevereiro de 2013, e a apresentação nacional no Dia Nacional dos Centros Históricos que teve lugar em Santarém, em Março desse ano. Posteriormente, a divulgação expandiu-se, designadamente em Ciudad Rodrigo e nas reuniões da Organização das Walled Towns em Maiorca e em Londonderry.

Casa E/C

A Casa E/C mereceu o 1º lugar na categoria “Intervenção no património construído” ex aequo com o projecto da Biblioteca Pública do Estado de Ceuta, dos arquitectos espanhóis Paredes Pedrosa Arquitectos.

Segundo as palavras do júri: “o projecto casa E/C é uma obra que estabelece um intenso diálogo entre momentos distintos, que reHabita uma antiga ruína com materiais que evoluem de forma harmoniosa, no tempo, e que reactiva a condição do lugar em relação à paisagem”.





Documentos

OA
OASRN OASRS HABITAR PORTUGAL IAP20 OAPIX 1(-)1 CONGRESSO DOS ARQUITECTOS PORTAL DOS ARQUITECTOS
CAE CIALP DoCoMoMo FEPA UIA