outros prémios internacionais
-
Luís Ferreira Alves
Graça Correia e Roberto Ragazzi com Best Architects 16
03.02.2016
Transformar dois apartamentos separados num duplex que melhor respondesse às necessidades da família. Eis o desafio com que a dupla de arquitectos Graça Correia e Roberto Ragazzi se deparou com este projecto em Braga. E em boa hora — a reabilitação do apartamento valeu-lhes em Junho passado o prémio Best Architects 16 na categoria de Arquitectura de Interiores, informação que o gabinete portuense divulgou agora.

Para este projecto, que já tinha sido seleccionado pelo Habitar Portugal 2012-2014, os arquitectos estabeleceram o piso inferior como o “social” por excelência, localizando-se aí a cozinha, a lavandaria, a sala de estar, o terraço e o quarto de hóspedes, enquanto o superior é a área mais privada da casa. De toda obra, evidencia-se a elegante escada que liga os dois antigos apartamentos, e a casa, “concebida como uma peça central que distribui o programa”, referem os arquitectos numa nota enviada à redacção. “Todo o apartamento foi projectado tendo em consideração as características dos materiais que escolhemos para criar um jogo de volumes, luz e escuridão.” Como o mosaico hidráulico feito à mão que cobre o piso inferior, com um padrão concebido especialmente para imprimir “textura e tridimensionalidade”. Esta intervenção tornou a habitação numa "casa única com uma área bastante maior, muito difícil de encontrar no mercado e por um preço bastante aliciante", destacou a arquitecta Graça Correia, em declarações à Lusa. O que a leva a uma conclusão: "Numa altura em que o mercado aposta na reabilitação, é pertinente perceber como se consegue acrescentar valor a uma área construída que está muitíssimo debilitada e pode ficar muitíssimo interessante com a intervenção do arquitecto".

Entre mais de 350 submissões, o júri do Best Architects, composto pelos arquitectos Pia Durisch, Muck Petzet e Christian Waldner, conferiu a mesma distinção a 80 projectos de todo o mundo e, a nove, pela sua “excepcional qualidade”, o galardão de ouro. Foi a edição “mais renhida” dos dez anos de história do prémio, até porque foi a primeira vez que a competição se alargou a toda a Europa.

Professora auxiliar convidada na Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto, onde se licenciou, e membro da direcção do recém-criado curso de Arquitectura na Universidade Lusófona do Porto, Graça Correia colaborou em diversos projectos com Eduardo Souto de Moura. Em 2005, fundou com Roberto Ragazzi o gabinete Correia/Ragazzi Arquitectos, que se localiza no Porto. Este projecto vai estar também em destaque numa exposição na Galeria Municipal do Porto de 18 de Fevereiro a 25 de Abril, a propósito da exposição do Habitar Portugal, iniciativa promovida pela Ordem dos Arquitectos.



OA
OASRN OASRS HABITAR PORTUGAL IAP20 OAPIX 1(-)1 CONGRESSO DOS ARQUITECTOS PORTAL DOS ARQUITECTOS
CAE CIALP DoCoMoMo FEPA UIA